Gastromotiva recebe seleções da Copa dos Refugiados para o Jantar de Acolhida

Secretário João Mendes de Jesus se reúne com jogadores e organizadores para confraternização e troca de experiências

A chuva marcada pelas águas de agosto não impediram que os representantes  das oito seleções que compõem a Copa dos Refugiados se reunissem para o Jantar de Acolhida, onde viveram uma experiência gastronômica e cultural além do paladar. 

O secretário da SMASDH, João Mendes de Jesus, conversou com os jogadores e familiares e descobriu sobre a paixão pelo esporte que circunda a vida dos cidadãos refugiados. 

“Independente de onde vieram, todos tem uma grande história de vida e muito conhecimento. Conversamos sobre política, história, futebol e muito mais. Nunca podemos esquecer que eles são pessoas em busca de oportunidades para viver com dignidade. Não são excluídos, mas sim homens e mulheres com histórias e sonhos, que estão construindo seu futuro. A Copa dos Refugiados é sobre isso, seres humanos, vida e, com certeza, esperança” — afirma João Mendes de Jesus.

O jantar contou com a presença dos jogadores e seus familiares. O grupo com cerca de 60 pessoas concretizou o objetivo da Gastromotiva, que é gastronomia com inclusão. 

A Gastromotiva trabalha por meio da comida utilizando-a como um agente de transformação para a vida das pessoas. Abrindo as portas para cozinheiros, voluntários e pessoas em vulnerabilidade social, removendo barreiras impostas por anos e anos de cultura eletiva ao invés de inclusiva e vasta, como deve ser.

Os voluntários Julio Cézar Libanio e Victoria Conceição Correa contaram a experiência que levarão por toda a vida. 

“Como estudante de relações internacionais, ao saber da Copa dos Refugiados, logo me interessei, pois eu pude colocar em prática aquilo que aprendo em sala de aula. São dois dias como voluntária e com certeza lembrarei para sempre. O que mais me chama atenção é ver diferentes povos reunidos em um só lugar, sendo uma só voz, a voz da inclusão” —  comentou Victoria. 

Para completar, Júlio César reafirma: “A Gastromotiva tem uma sinergia na sua forma de trabalhar, que envolve voluntários e pessoas em uma causa, remover barreiras sociais”. 

Conheça a Gastromotiva e descubra como ser um voluntário: http://www.gastromotiva.org/pb/

A Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos contou com diversos parceiros para a realização da Copa dos Refugiados. Para seu encerramento, realizará o Mutirão da Inclusão, onde serão realizadas as regulamentações e emissões de documentos, a buscar sempre a inclusão. A Copa é encerrada no sábado, dia quatro de agosto, porém seus frutos não terão data de validade. 

Coordenação de Comunicação da SMASDH

About Author

Connect with Me: