| Jun , 24 , 2019

João Mendes relata sobre atuação da SMASDH na Câmara de Vereadores



Nos primeiros quatro meses do ano, a Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (SMASDH) atendeu 2.669 pessoas em suas unidades, sendo que cerca de 50% desse contingente foi recebido pelo órgão pela primeira vez. “Temos uma demanda muito forte em todas as unidades e nossas equipes fazem abordagem social 24 horas por dia” – afirma o secretário da SMASDH, João Mendes de Jesus, durante audiência pública na Câmara de Vereadores.

João Mendes ressaltou que a atual gestão iniciou seu mandato com um déficit de R$ 6 bilhões deixado pela gestão anterior, o que tem causado sérias dificuldades financeiras para fazer frente às despesas do município. Ele ressaltou ainda que vários equipamentos inadequados à assistência social foram herdados pela atual gestão e precisam ser adaptados. “Algumas unidades como, por exemplo, uma escola que acabou virando abrigo faz parte do desafio que temos pela frente de adaptar equipamentos” — explica.

O secretário da SMASDH, no entanto, garantiu que em sua gestão daria informações positivas sobre os vários problemas que encontrou na Secretaria. Além da falta de recursos, João Mendes destacou a grave situação econômica por que passa o País, o que acaba colaborando para aumento da população em situação de rua. Ele citou como exemplo os mais de 350 mil desempregados no Rio de Janeiro, sendo que somente da Petrobras foram 70 mil mandados embora.

“Estamos vendo por toda a cidade inúmeras lojas sendo fechadas, além de empresas que simplesmente foram embora de nosso estado. Esse é o retrato de nossa realidade e suas consequências” – disse o secretário da SMASDH. Apesar dessa dificuldade, disse ele, é preciso ter esperança para que a situação mude e haja condições de fazer as mudanças necessárias nos equipamentos da Secretaria.



Scroll Up

Newsletter

Sua participação é muito importante. Contribua, opine, receba nosso conteúdo!

[cp_simple_newsletter]

%d bloggers like this: